segunda-feira, 27 de maio de 2013

"Impressionou-me,este texto"

Como sabem estou lendo no momento o livro -Livre ,escrito por Cheryl Strayed; já expus isto aí na lateral. O fato é ,que eu realmente estou amando o modo como ela conta a sua história sem muitos floreios,tratando de uma maneira direta  os sentimentos que quis passar.
Para quem ainda não teve a oportunidade de ler o livro ou mesmo investigar a sinopse:

Aos 22 anos,Cheryl Strayed achou que não tivesse mais nada.Após a inesperada morte da mãe,a família se distanciou,e seu casamento desmoronou.Quatro anos depois,sem nada a perder,tomou a decisão mais impulsiva da vida:caminhar sozinha 1.700quilômetros pela costa oeste dos Estados Unidos,do deserto de Mojave,no sul da Califórnia,atravessando Oregon até o Estado de Washington.Não tinha experiência em caminhadas de longa distância,e a trilha era pouco mais que uma linha no mapa.Mas guardava uma promessa_a promessa de juntar os pedaços de uma vida em ruínas.

O relato de Strayed captura a agonia,tanto física quanto mental,de sua incrível jornada;como enlouqueceu e a assustou e como,principalmente,a fortaleceu.LIVRE é uma história de sobrevivência e redenção:um retrato pungente do que a vida tem de pior e,acima de tudo,de melhor.

E abaixo eu quis mostrar o trecho da história que me impressionou um pouco,o relato característico de quem faz trilhas a pé,sempre se ouve que os pés ficaram muito castigados e muitas vezes até há realmente perda de unhas.
Dê um clique na imagem para melhor visualizar.


 E aqui um vislumbre de um dos momentos que me dedico a leitura;enquanto o maridão pesca eu leio em uma das temporadas sempre maravilhosas em Búzios-por que ninguém é de ferro .rs
Obrigada pela visita,
Até o próximo post.
Um abraço!

4 comentários:

silvioafonso disse...

.


Em breve ou a qualquer
momento passarei um fim
de semana em Búzios, ter-
ra de Brigite Bardot que
a meu ver, é melhor que
São Francisco. Brigite
aplica toda a sua fortuna
na causa animal enquanto
o Santo abriu mão do
seu tesouro para viver
pobre com eles.
(Brincadeirinha, hein!)

Beijos.

silvioafonso







.

Claudia disse...

Oi Dani
Vim retribuir a sua visita.
Tbe adorei o seu blog.
Que ele tenha vida longa!
Vou voltar.
Fiquei curiosa para ler este livro.
Tbe adoro ler!
Bjks mil

Pérola disse...

Empolgante o texto!

beijo

Solrac e Aralc disse...

Olá Daniele, adoramos a sua visita e o seu comentário... também visitamos e vamos acompanhar o seu blog... somos seus seguidores, seja nosso também... assim estaremos sempre em contato com novas postagens, além, é claro, das postagens existentes...

abração pra você...